domingo, 9 de outubro de 2011

Como podemos poupar?

Vivemos em tempos difíceis onde as palavras de ordem são cortar e poupar devido as medidas de austeridade que nos são impostas. Hoje muitas famílias encontram-se numa  situação económica complicada. Como podemos viver com menos? como gerir melhor o nosso orçamento? São perguntas que já fizemos. Veja algumas sugestões que serão úteis.
Para isso precisa de um bom planeamento, experimente fazer um orçamento que o ajude a viver com o ser rendimento mensal.

1- Escreva as suas despesas fixas (renda ou mensalidade ao banco, luz, água, alimentação.....)

2- Faça o cálculo que quanto precisa minimamente para cada despesa.

3- Some as parcelas e assim terá ideia da quantia mínima que precisa mensalmente para fazer face ás suas necessidades. Compare com o seu rendimento mensal.

4- Mediante os resultados das suas contas, veja os ajustes que precisa de fazer. Talvez chegue a conclusão que afinal pode reduzir a certas despesas para beneficiar outras. Pode até cortar temporariamente algumas despesas que não sejam tão "necessárias" para poder reservar dinheiro para uma emergência. Cabe a si fazer o orçamente que mais se adapta a si e a sua família.

5- Importante! Respeite o orçamente que estabeleceu. Só assim é que pode funcionar

Atenção se possui um cartão de crédito, utilize-o com muita prudência e responsabilidade porque muitos orçamentos falham por causa do "compra agora e paga depois". Se compra tem de pagar quer seja agora ou daqui por um mês. Tem essa situação prevista no seu orçamento? Tome cuidado, não se engane. Muitas famílias tem problemas de dívidas complicadas devido ao cartão de crédito!
Por isso se a sua situação financeira está complicada pense bem se necessita do cartão de crédito.
Melhore a sua habilidade de fazer compras.
-Tente fazer uma ementa semanal, aproveitando as promoções oferecidas em várias superfícies comerciais
- Quando for fazer compras, faça uma lista e guie-se por ela. Não se perca pelas várias secções do supermercado. 
- Reduza as idas ao restaurante, se tem por hábito fazê-lo. Se durante o período de trabalho tiver tempo de ir a casa mas não tem tempo de fazer o almoço, deixe alguma coisa adiantada ou feita do dia anterior. Se não tem tempo de ir a casa e tiver uma pequena copa no seu local de trabalho com um microondas, leve uma refeição que dê para aquecer (sobra do jantar), ou alguma coisa simples para preparar. Se não tiver copa fale com os seus colegas e conversem com a entidade patronal sobre a possibilidade de terem um sitio para terem as refeições. Muitas entidades patronais não se importam e até participam , tentar não custa. Bem se não tiver outra hipótese que não seja almoçar fora, pode de vez em quando levar uma salada, sandes....etc. Vá até um jardim ou outro local que goste e almoce la. Convide os seus colegas a ir consigo, vai ver que até pode ser divertido.
- Aproveite os produtos da estação e as promoções, para fazer alguns stocks na sua dispensa.
- Pode reduzir os gastos no vestuário por fazer compras nos Outlets ( Aparecem muito boas oportunidades). Aproveite também a época de saldos. Se tiver filhos pequenos pode aproveitar nos saldos para comprar peças para o ano seguinte, vai ver que poupa.
- Por ultimo pense antes de comprar seja o que for. Precisa mesmo da fazer a compra que tem em mente? Analise os pró e os contras, vai ficar admirado com as suas conclusões. Talvez possa adiar determinada compra, para uma altura mais conveniente. Determine as suas prioridades dentro do seu orçamento.
São apenas algumas sugestões. Ao elaborar o seu orçamento irá com certeza se lembrar de outros pontos adequados as suas necessidades. O mais importante é que consiga viver dentro do seu orçamento, suprindo as suas necessidades.




Sem comentários:

Enviar um comentário

Os comentários tornam o blog mais acolhedor e animado. Por isso obrigado por partilhar a sua opinião. Agradeço a sua visita e sempre que tiver oportunidade volte para ver as novidades......

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
As imagens deste blog são retiradas da internet. Salvo raras excepções de algumas que tenho em arquivo há muito tempo, tem a fonte de onde foram retiradas. Se for o autor de alguma delas e não estiver de acordo com a sua publicação ou quer o devido crédito por favor entre em contacto comigo.

Para quem gosta de ler e não so... Do grupo Porto Editora...