sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Tem falta de tempo?



Quantas vezes por dia repete a frase "agora não tenho tempo?". Não há duvidas que há muitas coisas que gostaríamos de fazer e não temos tempo, cada pessoa fará a sua lista. No entanto na antiguidade o sábio Rei Salomão disse uma frase que parece um paradoxo "Há um tempo para tudo" será que estas palavra têm lógica? serão apropriadas para os nossos dias? Muitas pessoas dirão logo que não. Mas vamos pensar... Porque é que hoje nós andamos sempre a correr? praticamente nem vimos os nossos filhos crescerem. Como se deu esta aceleração do ritmo de vida? 
Com a revolução industrial o ritmo de vida mostrou tendência para acelerar . Tudo se tornou mais rápido. Após a primeira Guerra Mundial em 1914 essa aceleração do modo de vida ainda se intensificou mais. Nessa altura havia uma necessidade de viver o mais intensamente e o mais rapidamente possível. É inegável que 1914 foi uma data que mudou o mundo. As pessoas antes dessa data viviam na chamada "belle epoque". Tudo corria bem, havia um pensamento positivo em relação a vida e ao futuro. Pensava-se que a ciência iria resolver todos os problemas, vivia-se em clima de paz.... Até que começaram as tensões e de repente o mundo inteiro vê-se envolvido numa Guerra sangrenta e mortífera. O clima de paz e segurança existente até ao momento e o optimismo de que o homem tudo conseguiria resolver acabou. E muitas pessoas sem fé no futuro passaram a querer viver só o presente. Essa necessidade de viver depressa levou cada vez mais ao desenvolvimento da ciência e da Industria. As novas tecnologias nascerem dessa crescente necessidade. O ritmo de vida que temos hoje é resultado de todos esses factores. Nos nossos dias a globalização e o desenvolvimento dos meios de comunicação têm dado a sua contribuição.
Com todo este cenário como é possível termos tempo para tudo? O segredo está em estabelecermos prioridades e sermos realistas. Quase em todo o mundo as pessoas são pressionadas a cumprir as suas obrigações, que na sua maioria nada tem a ver com o que é importante para elas. Mas são obrigações para com a entidade patronal ou acontecimentos inesperados (concerto do carro, da casa, doenças etc..). Como podemos conseguir tempo de qualidade para aquilo que realmente nos dá prazer?

Faça uma lista das actividades que realmente quer fazer e a seguir veja algumas sugestões que o podem ajudar a criai mais tempo.
- Faça uma lista das tarefas diárias.  Ordene-as por ordem de prioridade identifique as que merecem mais tempo e as que não são tão urgentes. Passe a lista das tarefas não realizadas para o dias seguinte.
- Tome nota do tempo gasto nas suas actividades durante algum tempo. Será uma forma de ver onde gasta o seu tempo. Poderá ver se perde muito tempo em actividades sem importância, tempo esse que poderá ser canalizado para actividades de maior interesse para si.
- Tente programar a/as tarefas mais desafiadoras para o período do dia em que está mais disposto e alerta. Assim irá demorar menos tempo a executar a/as Tarefa(s).
- Reserve se possível um período do dia em que não permitirá qualquer tipo de interrupção, a menos que seja absolutamente necessário.
- Seja realista e reconheça que não terá tempo para fazer tudo. Dê preferência ás actividades que produzem os resultados mais importantes. Veja qual a importância e urgência das tarefas secundárias, algumas talvez possam ser anuladas e outras delegadas. Reserve o máximo de tempo possível para as actividades relacionadas com as coisas que você acha que valem a pena para si.
- Não se esqueça de tirar tempo para descansar. Mente e corpo descansados ajudam a pessoa a ser mais produtiva nas suas tarefas e ter mais alegria no que faz.
- Aproveite bem o tempo. Leia, faça malha, escreva ou outra tarefa apropriada e que gosta enquanto espera pelo meio de transporte (Muitas pessoas passam horas em comboios, autocarros etc....). Se tem um período de almoço alargado, mas não tem tempo para ir a casa, aproveite para realizar algumas tarefas da sua lista como por exemplo: compras, escrever etc...
- Seja Flexível. Veja que sugestões se adaptam melhor a si e adapte essas ideias á sua vida. Pense também noutras ideias que poderão funcionar para si.
Acima de tudo tente ser feliz e viver da forma mais plena possível. Se tiver filhos tente dedicar o melhor de seu tempo com eles, eles merecem e vai ver que não vai se arrepender.
Será que Salomão tinha razão quando disse que há um tempo para tudo? Claro que sim. Talvez não no sentido que nos queremos, porque sejamos realistas, nem que o dia tivesse 48 horas, nós não iríamos conseguir fazer tudo o que desejamos fazer num dia. Mas com um bom planeamento e alguns cortes em actividades que não sejam tão necessárias, vamos conseguir arranjar algum tempo para as coisas que mais gostamos de fazer. Também podemos ter a certeza que com uma boa programação diária, dos nossos afazeres,iremos conseguir fazer algumas actividades que gostamos. E se juntarmos a isso o descanso adequado, vamos andar menos stressados e com uma melhor postura perante a vida.





1 comentário:

Os comentários tornam o blog mais acolhedor e animado. Por isso obrigado por partilhar a sua opinião. Agradeço a sua visita e sempre que tiver oportunidade volte para ver as novidades......

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
As imagens deste blog são retiradas da internet. Salvo raras excepções de algumas que tenho em arquivo há muito tempo, tem a fonte de onde foram retiradas. Se for o autor de alguma delas e não estiver de acordo com a sua publicação ou quer o devido crédito por favor entre em contacto comigo.

Para quem gosta de ler e não so... Do grupo Porto Editora...